Interior da sala (Armadura, Estampas, Fotos, Tubos, China Todas as Mesas de Rickety antigas rachadas, e Cadeiras quebradas),
Pintado por Benjamin Walter Spiers (1845-1894),
Pintado em 1882,
Aquarela e guache sobre papel
© Sotheby's New York, The Saffra Collection, 18 de outubro de 2011, Lote 255, vendido $122.500

Interior da sala (Armadura, Estampas, Fotos, Tubos, China Todas as Mesas de Rickety antigas rachadas, e Cadeiras quebradas),
Pintado por Benjamin Walter Spiers (1845-1894),
Pintado em 1882,
Aquarela e guache sobre papel
© Sotheby's New York, The Saffra Collection, 18 de outubro de 2011, Lote 255, vendido $122.500

Evangelho de 17 de julho de 2021

Isto foi para cumprir a profecia de Isaías

Mateus 12:14-21

Os fariseus saíram e começaram a conspirar contra Jesus, discutindo como destruí-lo.

Jesus sabia disso e se retirou do distrito. Muitos o seguiram e ele os curou a todos, mas os advertiu para que não o dessem a conhecer. Isto foi para cumprir a profecia de Isaías:

Aqui está o meu servo que escolhi,

minha amada, a favorita da minha alma.

Eu o dotarei de meu espírito,

e ele proclamará a verdadeira fé para as nações.

Ele não vai brigar ou gritar,

nem ninguém vai ouvir sua voz nas ruas.

Ele não quebrará a palheta esmagada,

nem apagar o pavio que arde

até que ele tenha levado a verdade à vitória:

em seu nome, as nações colocarão sua esperança.

Reflexão sobre a aquarela sobre o papel

Em nossa leitura do Evangelho de hoje, Mateus cita Isaías 42,1-4 que é o primeiro de Isaías "Canções Servant". Estas canções descrevem o Messias como o Servo manso e gentil de Deus. Mateus mencionou esta passagem para explicar por que Cristo queria evitar as multidões. Ele queria trabalhar suavemente, sob o radar, como um verdadeiro humilde servo de Deus. É verdade, se todas as pessoas que haviam sido curadas tivessem espalhado a palavra, isso poderia ter dificultado a missão de Jesus. Mas é claro que o outro grande obstáculo também é mencionado em nossa passagem do Evangelho: os fariseus conspirando contra Jesus. 

Todos nós temos nossos próprios obstáculos também em nossa fé. A luta de fé é algo que todos nós temos que enfrentar, e às vezes ela se torna mais incômoda do que outras vezes. Embora os obstáculos possam ser tentações, raiva, impaciência, amor aos bens mundanos, etc..., provavelmente a questão volta sempre a uma falta de desejo de crescer espiritualmente. Nosso desejo tem muito a ver com o fato de que vamos crescer espiritualmente ou não. O desejo de desejar é a chave! Este desejo é algo que controlamos e podemos alimentá-lo ou negligenciá-lo. O desejo genuíno de crescer espiritualmente irá declinar a alma e nos fará voltar a nos concentrar em Deus. 

Nossa aquarela meticulosamente pintada em papel por Benjamin Walter Spiers mostra uma sala desordenada. O lugar está cheio de objetos sem fim e é difícil ver quais são importantes e quais não são. Difícil identificar o(s) tesouro(s) entre a desordem. Desorganizar significa remover qualquer item desnecessário de um espaço. Quando aplicado a nossas almas, significa tentar se livrar de sentimentos negativos, pensamentos ruins, prioridades egoístas, atitudes imperdoáveis, tendências manipuladoras, etc... e apenas manter o que é importante....

Compartilhe esta leitura do Evangelho

Você gostou desta leitura do Evangelho e da reflexão da arte?

Participe da discussão sobre esta obra de arte e leitura do Evangelho

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Leituras relacionadas a Mateus 12:14-21

16 de julho de 2021

Mateus 12:1-8

Jesus disse aos fariseus: "O que eu quero é misericórdia".

18 de julho de 2022

Mateus 12:38-42

Jonas estava na barriga da monstruosidade do mar para t...

20 de julho de 2020

Mateus 12:38-42

O único sinal que será dado é o sinal de t...

19 de julho de 2022

Mateus 12:46-50

Qualquer um que faça a vontade de meu Pai, é meu br...

Junte-se à nossa comunidade

Além de receber nossa Leitura Diária do Evangelho e Reflexão Artística, sua inscrição gratuita lhe permite ainda: 

A missão da Arte Cristã é oferecer uma leitura diária do Evangelho, acompanhada de uma obra de arte relacionada e de uma breve reflexão. Nosso objetivo é ajudar as pessoas a se aproximarem de Deus através da magnífica união entre a arte e a fé cristã.

CONECTE-SE A NÓS

Junte-se a mais de 70.000 pessoas que recebem diariamente nossa Leitura do Evangelho e Reflexão de Arte

Pular para o conteúdo